E-mail:   Senha:  
 
  Minha sacola
 
· Item: 0
· Valor: R$ 00,00
 
EFICÁCIA DA ISOFLAVONA
 

 

EFICÁCIA DA ISOFLAVONA

 

Editorial » Notícias relacionadas

  • Eficácia Comprovada - Revista Isto É
  • Alimento à base de soja alivia sintomas da menopausa - Estado de São Paulo
  • Pesquisa aponta novo risco em reposição hormonal - Estado de São Paulo
  • Soja ajuda a desenvolver musculatura, prevenir câncer e osteoporose - Folha On-line

 

Pesquisa aponta novo risco em reposição hormonal 
CHICAGO

Já associada a câncer no seio, derrames e males cardíacos, a terapia mais comum de reposição hormonal pode aumentar o risco de problemas mentais, como demência. A pesquisa, publicada na edição desta semana da revista da Associação Médica Americana, é a última de uma série de estudos contraditórios sobre o uso de estrógeno combinado com progesterona para combater efeitos da menopausa.

O trabalho conduzido por cientistas da Universidade de Wake Forest envolveu 4.532 mulheres de 71 anos em média, metade das quais recebeu estrógenos e as demais, placebo. A pesquisa apurou que a combinação dos dois hormônios aumentou o risco de demência em mulheres com 65 anos ou mais - o que, na população, significaria 23 casos a mais por grupo de 10 mil pacientes. O tratamento também teve impacto negativo no sistema cognitivo, incluindo itens como concentração, linguagem, memória e raciocínio abstrato.

Fonte: O Estado de São Paulo (29/05/03)


Soja ajuda a desenvolver musculatura, prevenir câncer e osteoporose

Os médicos descobriram que a soja ajuda a prevenir doenças, como câncer e colesterol, além de controlar a taxa de colesterol. Para aqueles que não pensam em trocar o feijão pela soja, é bom avisar que as prateleiras dos supermercados estão recheadas de produtos feitos à base de soja. Tem de tudo: desde tofu (queijo de soja), carne em cubos, carne enlatada, carne granulada até leites e sucos.
Estudos mostram que a soja é mais rica que o feijão em ferro, cálcio e vitaminas, como as do complexo B.

A soja pode ser usada como alimento preventivo de várias doenças, pois é rica em isoflavonas (fito-hormônio parecido com o estrogênio). Pesquisas da Universidade de Harvard mostram que a soja é eficaz no combate ao câncer de mama e de colo de útero. Por um mês, 60 mulheres com câncer de mama receberam 40 miligramas diárias de isoflavona. Em 50% das pacientes analisadas, houve redução no número de células cancerosas.

Quem inclui a soja em sua alimentação diária também tem menos riscos de ter osteoporose. O alimento também é indicado para pessoas que já possuem os ossos porosos. A Universidade de Illinois (EUA) descobriu que as isoflavonas -presentes na soja- regulam a produção de estrogênio e estimulam a produção de cálcio, o que fortalece a saúde dos ossos.

As isoflavonas também reduzem a concentração do LDL (mau colesterol) no sangue e ao mesmo tempo aumenta a taxa do HDL (bom colesterol).

Os malhadores também devem incluir a soja em suas refeições, pois o alimento ajuda a desenvolver massa mascular, por ser muito rico em proteínas. Além de fazer bem à saúde, a soja não engorda, pois é pobre em amido.

Fonte: Folha Online


Alimento à base de soja alivia sintomas da menopausa

São Paulo - Foram quase dois anos de pesquisa para o desenvolvimento do Previna, complemento alimentar à base de proteína de soja elaborado por pesquisadores da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da Universidade de São Paulo (USP), em parceria com a Fundação Médico Cultural de Gastroenterologia e Nutrição de São Paulo (Fugesp). Aprovado pelo Departamento de Ginecologia da Faculdade de Medicina do Hospital das Clínicas da USP, o alimento, rico em isoflavona e cálcio, chega ao mercado pelas mãos da Sanavita, com um público-alvo definido: mulheres na menopausa.

A pesquisa teve como ponto de partida o fato de 70% das mulheres ocidentais apresentarem nessa fase sintomas como perda de memória, tonturas, insônia, calores repentinos, sensação de fraqueza e outros sinais facilmente confundidos com depressão. Pesquisas internacionais provam que as orientais, que tradicionalmente consomem soja em abundância, estão menos sujeitas a esses desconfortos.

O estudo, coordenado pela professora doutora Ângela Maggio e sua equipe, foi feito com pacientes do Grupo de Climatério do Departamento de Ginecologia do Hospital das Clínicas (HC), revela a eficiência do Previna no tratamento desses sintomas. O objetivo foi comparar os efeitos de um alimento à base de isolado protéico de soja com um medicamento empregado para Terapia de Reposição Hormonal (TRH). O resultado surpreendeu as pesquisadoras. O alimento testado demonstrou a mesma eficiência do hormônio sintético utilizado na comparação.

Os dados da pesquisa serão divulgados nos próximos congressos de ginecologia e climatério no Brasil e exterior. "A pesquisa mostra que o alimento funcional estudado é tão eficiente quanto o TRH no tratamento da menopausa, tendo a vantagem de não provocar os efeitos indesejáveis da terapia de reposição hormonal", disse a doutora Ângela.

Um grupo de 98 mulheres saudáveis, com sintomas da menopausa, participaram do ensaio clínico, com duração de 16 semanas. Delas, 48 receberam o repositor hormonal acetato de noretisterona estradional, que contém 2 mg de estradiol e 1 mg de cálcio. As demais receberam o alimento à base de soja, em duas doses diárias de 30 gramas de Previna com água, leite ou suco.

Segundo a coordenadora do estudo, nos dois grupos os sintomas foram reduzidos de maneira acentuada, sem causar reações adversas. Durante o tratamento, as pacientes foram avaliadas clinicamente em relação à pressão arterial, Índice da Massa Corpórea e ao Índice de Kuppermann, que mede a intensidade dos sintomas da menopausa. Segundo a doutora Ângela, outro resultado relevante foi a ausência de reações adversas no grupo que ingeriu o Previna.

Segundo a coordenadora, o estudo desenvolvido no HC tornou-se um referencial para médicos e profissionais da área que buscam alternativas de reposição hormonal para suas pacientes. Para a nutróloga, as primeiras beneficiadas são as mulheres com contra-indicação para a TRH clássica. "O emprego da terapia de reposição hormonal depende muito do histórico de cada mulher", diz. "Para muitas, o alimento testado aparece como uma nova perspectiva."

Fonte : Estado de São Paulo. (02/06/03)


Eficácia Comprovada

Concentrado de soja é boa opção para quem sofre com os sintomas da menopausa e não pode usar a terapia

Especialistas brasileiros acabam de comprovar que um alimento à base de soja criado para ser dissolvido em líquido é boa alternativa para combater os sintomas da menopausa, como calores repentinos, desânimo e perda de memória. O Departamento de Ginecologia do Hospital das Clínicas de São Paulo, ligado à Universidade de São Paulo (USP), analisou, durante quatro meses, 98 mulheres saudáveis, mas com queixas de desconforto. Delas, 50 receberam o alimento. As demais recorreram à terapia de reposição hormonal clássica (estrogênio e progesterona).

Os resultados foram comemorados. Nos dois grupos, os sintomas foram reduzidos. "A alternativa com o alimento foi tão boa quanto a TRH", diz a ginecologista Ângela Maggio da Fonseca, coordenadora da pesquisa. O alimento avaliado foi desenvolvido pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da USP, em Piracicaba (interior paulista), em parceria com a Fundação Médico-Cultural de Gastroenterologia e Nutrição de São Paulo. Trata-se de um concentrado rico em isoflavona (substância encontrada na soja que melhora os sintomas da menopausa) e com um adicional de cálcio.

De modo geral, o produto é indicado para as mulheres idosas, para as que não podem fazer a reposição tradicional e para quem tem medo do tratamento com hormônios sintéticos. Deve ser tomado duas vezes por dia (cada envelope contém 30 gramas de concentrado).Os pesquisadores estão estudando também se a alternativa apresenta benefícios para o coração e se ela protege da osteoporose (perda de massa óssea). Os resultados desse trabalho devem ser divulgados em 2004.

Fonte : Revista Isto É (04/06/03)

 
Clique abaixo para recomendar aos seus amigos:
INCREVA-SE PARA RECEBER OS NOSSOS INFORMATIVOS

ALOE VITA PRODUTOS NATURAIS

Antes de imprimir pense em sua responsabilidade e compromisso com o meio ambiente.

 
Aloe Vita Produtos Naturais
Rua Felipe Camarão, 622 - Porto Alegre - RS
http://www.aloevita.com.br
Entre em contato conosco através:
Email aloevita@aloevita.com.br
Telefone (51) 3019.3383
FAX (51) 3029.2048